Andebol – Torneio 4 Nações: Portugal derrota Espanha no jogo de estreia

Triunfo inquestionável da equipa lusa no duelo ibérico por 33-37 marcou a estreia na competição; Próximo adversário será a França, este sábado às 19h00.


Num duelo sempre especial entre Portugal e Espanha, que marcou a estreia da Seleção Nacional sub-20 Masculina no Torneio 4 Nações, a decorrer em França, foi a turma lusa que teve todos os motivos para sorrir após uma vitória clara por 33-37. A turma espanhola realizou o segundo jogo, depois de ter derrotado a seleção da casa esta quinta-feira. Portugal irá encerrar a participação na competição – que serve de preparação para o Europeu da categoria e que decorrerá no nosso país, em julho – este sábado diante do conjunto gaulês.

A primeira parte só teve um sentido e Portugal começou, desde cedo, a construir uma vantagem sólida que chegou a ser de 10 golos, ao longo dos primeiros 30 minutos. Nove minutos após o início, a equipa lusa liderava por 2-5 e já dentro dos 10 minutos finais arrecadava nove golos à maior, com 6-15 no placard. Ao intervalo, os comandados de Carlos Martingo venciam por 12-20.

No segundo tempo, Portugal baixou o ritmo de jogo e a seleção espanhola começou a encontrar mais facilidade em finalizar com sucesso, tal como comprova o 28-29 aos 52 minutos. Espanha conseguiu mesmo reverter as contas, passou para a frente do marcador mas a vantagem não durou muito tempo, porque uma excelente reação da seleção das Quinas, voltou a trazer uma superioridade lusa como se viu na primeira parte e, no final, a vitória de Portugal ficou fechada em 33-37. Martim Costa e João Sousa assinaram seis golos cada e foram os melhores marcadores do encontro, a par de três atletas hispânicos: Antonio Martinez, Marti Soler e Daniel Serrano. Destaque ainda para os cinco golos assinados por Francisco Costa e para a prestação do guardião Diogo Rêma.

O Selecionador Nacional fez a análise da partida e considera que o resultado é inquestionável: “Fizemos uns primeiros 30 minutos muito bons, onde chegámos a ter 10 golos de vantagem, os jogadores estiveram muito bem, tanto na defesa como no ataque, também marcámos vários golos de transição e o Diogo Rêma também se destacou. Na segunda parte, baixámos um pouco os níveis de intensidade e concentração, permitimos que a Espanha nos apanhasse e, inclusivamente, tivesse passado para a frente num momento, mas nos últimos cinco minutos voltámos a reagir e ganhámos com todo o mérito e justiça.”

Em antevisão ao próximo encontro de Portugal com a França, Carlos Martingo fala em aperfeiçoar determinados detalhes e espera um jogo competitivo: “Para o jogo contra a França é continuar a dar minutos de jogo a todos os atletas, tal como fizemos hoje, tentar ajustar alguns pontos que temos a melhorar, defensiva e ofensivamente e esperamos mais um jogo competitivo e que seja mais uma experiência que permita aos jogadores crescer mais um pouco, para a próxima competição.”

O líder da equipa lusa diz ainda que vai encarar o Europeu da mesma forma que o faria antes deste duelo com Espanha: “Estes são jogos de preparação, em que as equipas aproveitam para experimentar coisas novas. É evidente que é sempre melhor ganhar e fica rum pouco com a vantagem menta sobre os espanhóis, mas quando for na competição a sério, penso que o resultado de hoje não vai afetar nada. Obviamente que temos que saber que se estivermos ao nosso melhor nível podemos voltar a bater Espanha.”

Calendário – Torneio 4 Nações
17.03.2022 – 19h00 – França x Espanha, 31:32 (14:17)
18.03.2022 – 19h00 – Espanha x Portugal, 33:37 (12:20)
19.03.2022 – 19h00 – França x Portugal

O Torneio 4 Nações é, tradicionalmente, disputado por quatro seleções, nomeadamente Alemanha, Espanha, França e Portugal, no entanto, excepcionalmente, engloba apenas a participação de três, após ausência da turma germânica.