Basquetebol: FC Porto vence clássico após prolongamento

© Ivo Carvalho | Sport On Stage

O FC Porto venceu o Sporting CP (81-78), no Dragão Arena, em jogo da 21.ª jornada da Liga Portuguesa de Basquetebol

Moncho López (treinador do FC Porto):

“Foi um jogo, como todos os jogados contra o Sporting, muito equilibrado. Costumamos ser muito fortes no terceiro período, normalmente conseguimos fazer resultar algumas coisas, entramos com muito boa mentalidade, hoje não foi exceção. Infelizmente, tivemos alguns turnovers desnecessários que permitiram ao Sporting fugir no marcador, fomos ao prolongamento, apesar de termos a última posse, podíamos ter evitado o prolongamento. No prolongamento, estivemos muito bem, a equipa teve sempre uma boa resposta aos turnovers, defendemos muito melhor, durante todo o jogo tivemos problemas nos ressaltos, mas no prolongamento melhoramos. Creio que tens de ganhar, não chega ter confiança e ambição, há que construir a vitória com elementos mais objetivos, perante um adversário competente. Fomos encontrando elementos objetivos para a vitória, castigaram-nos no ressalto, mas fomos fortes no ressalto ofensivo, tivemos muita versatilidade, o Larry Gordon esteve muito bem a lançar de três e a conseguir outras vantagens. Vencemos com muita dificuldade, qualquer um podia ter ganho, quando juntas as vitórias à motivação e à fé, as coisas correm melhor”

FICHA DE JOGO

FC PORTO-SPORTING, 81-78
Liga Portuguesa de Basquetebol, 21.ª jornada
7 de março de 2021
Dragão Arena, Porto

Árbitros: Fernando Rocha, Carlos Santos e Sónia Teixeira

FC PORTO: Jalen Riley (19), Brad Tinsley (5), Miguel Queiroz (2), Tanner McGrew (8) e Larry Gordon (30)
Suplentes: João Torrie, Vladyslav Voytso (5), Francisco Amarante, Pedro Pinto, João Soares (2), Ricardo Neves e Eric Anderson Jr (10)
Treinador: Moncho López

SPORTING: Shakir Smith (6), James Ellisor (21), João Fernandes (11), Travante Williams (13) e John Fields (7)
Suplentes: Francisco Amiel, Jorge Embaló, Diogo Ventura (7), Cláudio Fonseca (2), Diogo Araújo, Pedro Catarino (5) e Micah Downs (6)
Treinador: Luís Magalhães

Ao intervalo: 35-41
Parciais: 18-17, 17-24, 22-9, 14-21, 10-7