Fabio Quartararo vence o GP da Alemanha de MotoGP

    Foto: Twitter oficial da MotoGP

    O piloto francês dominou da primeira á última volta

    O GP da Alemanha correu-se com uma temperatura altíssima, e por isso quase todos os pilotos optaram pela mistura da Michelin mais dura. Quartararo optou pela mistura média no pneu traseiro, e deu-se bem com a escolha. No arranque passou Bagnaia, que acabou por cair novamente logo no início da prova, hipotecando as hipóteses do título mundial. Bagnaia era o principal favorito para ganhar o campeonato de 2022, mas uma sucessão de maus resultados deitaram por terra essa ambição. Aleix Espargaró com problemas de vibração no pneu dianteiro não conseguiu melhor que o 4º lugar, passando a estar a 31 pontos do líder do mundial. Jack Miller fez uma excelente prova, pois apesar de ter feito uma “long lap penalty”, por ter caído nos treinos quando estava sob bandeiras amarelas, conseguiu recuperar até ao terceiro posto. Johann Zarco continua a perseguir a sua 1ª vitória no mundial, e apesar de ter feito de tudo para se chegar a a Quartararo teve de contentar com o 2º lugar.

    Miguel Oliveira partiu do 14º lugar da grelha e acabou a corrida no 9º lugar, atrás do seu companheiro de equipa Brad Binder, que terminou no 7º posto. Oliveira está agora no 10º lugar do mundial de pilotos com 64 pontos.

    O próximo GP realiza-se na Holanda a 26 de junho.

    Classificação final:

    – Fabio Quartararo (Yamaha)

    – Johann Zarco (Ducati)

    – Jack Miller (Ducati)