GT4 South European Series: Audi da Saintéloc garante pole-positions

A Saintéloc Racing prometeu nos treinos-livres e cumpriu na qualificação, tendo conquistado as pole-positions para as duas corridas de estreia das GT4 South European Series, que se realizam na Coupes de Pâques, em Nogaro.

A formação francesa que coloca em pista os Audi R8 LMS GT4 vinha a mostrar grande competitividade no Circuit Paul Armagnac, tendo sido a mais rápida em todas as sessões de treinos-livres, mas sofreu grande oposição durante a luta pelas melhores posições da grelha de partida, o que acabou por conferir grande emoção neste final de tarde.

Q1: Michal confirma potencial do Audi – Santéloc Racing

Na primeira qualificação, reservada aos pilotos com menor categorização, Fabien Michal mostrou-se muito rápido aos comandos do carro de Ingolstadt e garantiu a primeira pole-position da época, depois de uma intensa luta com Robert Consani, no Alpine A110 da Speed Car, que ficou a apenas 0,081s da melhor marca.

Os carros da marca francesa mostraram uma subida de forma notável dos treinos-livres para a qualificação, tendo no terceiro posto ficado Benoit Lison no A110 da Mirage Racing, que se superiorizou ao Audi da Saintéloc Racing pilotado por Eric Debard, que ficou na posição imediata.

Marmaduke Hall deu corpo à extraordinária evolução da Tockwith Motorsport durante o fim-de-semana, colocando o seu Ginetta G50 inscrito na classe GTC no quinto posto da geral, tendo sido seguido de perto por Miguel Cristóvão no Mercedes-AMG GT4 da Veloso Motorsport. Olivier Esteves, no Audi R8 LMS GT4 da Saintéloc Racing, ficou a meio segundo do português, registando o sétimo tempo.

Cristophe Vernet, no Ginetta G55 da ABM Grand Prix, registou o oitavo crono, seguido do Alpine A110 GT4 da Mirage Racing inscrito na classe AM, que na primeira qualificação foi pilotado por Axel Van Straaten.

Q2: Saintéloc Racing luta entre si

Na segunda qualificação da tarde estiveram presentes os pilotos com a categorização mais alta e, uma vez mais, esperava-se uma forte luta pela pole-position, o que se verificou, mas desta feita entre dois Audi R8 LMS GT4 da Saintéloc Racing.

O carro número quarenta e dois voltou impor-se, desta feita pelas mãos de Grégory Guilvert. O Campeão Francês em título, sofreu forte oposição do seu colega de equipa, Simon Gachet, no número catorze, tendo os dois ficado separados por apenas dois décimos de segundo.

Vincent Beltoise, no Alpine inscrito em Pro-Am pela Mirage Racing, assegurou o terceiro crono, ficando a apenas seis décimos de segundo do “pole time”, sendo seguido de perto pelo seu primo, Anthony Beltoise, que levou o Audi número vinte e um da Saintéloc Racing até ao quarto lugar.

Benjamin Lariche não se conseguiu envolver na luta pela pole-position aos comandos do Alpine da Speed Car, tendo visto a aproximação do Mercedes-AMG GT4 da Veloso Motorsport que, nas mãos de Francisco Abreu ficou como sexto posto da tabela de tempos.

Rémi Van Straaten esteve em bom plano, colocando o Alpine da Mirage Racing inscrito na classe AM no sétimo posto. Não muito longe do belga ficou Ginetta G50 da Tockwith Motorsport, concorrente da classe GTC, que nas mãos de Edward Moore registou o oitavo tempo à frente do Ginetta G55 de Pierre-André Nicolas da ABM Grand Prix.

Depois das disputadas qualificações de hoje esperam-se duas corridas entusiasmantes, em que a incerteza será seguramente a nota dominante. A primeira prova será disputada no domingo, tendo o seu início marcado para as 14h55, ao passo que a de segunda-feira começará às 13h00. Ambas as provas serão transmitidas em directo através do Porto Canal e da página oficial de Facebook das GT4 South European Series – facebook.com/GT4SouthEuropean.

Treinos-Livres: Saintéloc Racing mantém o pleno nos treinos-livres.

O dia começou com a segunda sessão de treinos-livres do fim-de-semana e uma vez mais o sol dos Pirenéus franceses deu as boas-vindas aos concorrentes da competição organizada pela Race Ready com o apoio do SRO Motorsport Group.

A Saintéloc Racing voltou a mostrar a sua força na preparação da qualificação da tarde, colocando os três primeiros carros nos três primeiros lugares. Desta feita, foi o duo Simon Gachet / Eric Debard a levar a melhor, sendo seguindo pelos restantes Audi R8 LMS GT4, o de Fabien Michal / Grégory Guilvert e o de Olivier Esteves / Anthony Beltoise.

Os Alpine seguiram os Audi de perto, tendo o da Mirage Racing pilotado por Benoit Lison e Vincent Beltoise assegurado o quarto crono e o da Speed Car, Benjamin Lariche / Robert Consani, o acompanhado de perto.

Miguel Cristóvão e Francisco Abreu levaram o Mercedes-AMG GT4 da Veloso Motorsport até ao quinto posto, continuando a sua adaptação ao carro e ao circuito de Nogaro, uma novidade tanto para os pilotos como para a equipa. Os homens do carro alemão levaram no seu encalço o Ginetta G55 da ABM Grand Prix, pilotado por Christophe Vernet/Pierre-André Nicolas, que registaram o sétimo crono.

Marmaduke Hall e Edward Moore estiveram em bom plano e levaram o seu Ginetta G50 inscrito na classe GTC até ao oitavo lugar da tabela de tempos, tendo sido seguidos a curta margem por Axel Van Straaten e Rémi Van Straaten, que registaram o nono crono no Alpine A110 inscrito pela Mirage Racing, que passou da categoria Pro-Am para a Am.

Fabian Michal (1º Pro Am – Qualificação 1): “Estou muito satisfeito com o meu resultado. Não foi fácil obter esta volta, porque na minha volta rápida fui atrasado pelo tráfego em pista. Iremos trabalhar o melhor possível para termos a certeza que iremos ter duas boas corridas.”

Grégory Guilvert (1º Pro Am – Qualificação 2): “A equipa fez um fantástico trabalho hoje. Fomos campeões com eles o ano passado no GT4 France e o carro está especialmente rápido na qualificação. A janela de qualificação é traiçoeiras e nós temos só duas voltas para fazer uma boa volta. Consegui uma volta limpa e estou bastante contente com o resultado.”

Rémi van Straaten (1º Am – Qualificação 1): “Esta é a nossa primeira corrida na categoria GT4 e estou muito satisfeito por termos obtido o primeiro lugar na categoria. Temos melhorado o nosso andamento desde o início do fim-de-semana. O objectivo é manter esta progressão constante e quem sabe terminar no pódio.”

Axel van Straaten (1º Am – Qualificação 2): “Estamos muito satisfeitos com o que conseguimos hoje. O carro estava muito bom e a performance com pneus novos foi soberba. A nossa forte regularidade pode ajudar-nos amanhã a conseguir algo simpático, mas em andamento puro ainda temos muito que fazer.”

Marmaduke Hall (1º GTC – Qualificação 1): “Nós não sabiamos o que esperar para este fim-de-semana. Estou satisfeito com o resultado da qualificação. Nós chegamos aqui apenas ontem e esta é a nossa primeira vez nesta pista. Temos estado a tentar-nos adaptar e a perceber como usar os pneus novos. Não temos expectativas para amanhã. Vamos dar o nosso melhor e ver o que acontece.”

Edward Moore (1º GTC – Qualificação 2): “Como o meu companheiro de equipa disse, antes de virmos para este fim-de-semana estavamos um pouco às escuras. É um pouco diferente de tudo o que fizemos no Reino Unido até aqui. O carro parece que está bom, portanto veremos como corre amanhã.”

Francisco Abreu (5º Pro-Am – Qualificação 2): “Foi uma qualificação complicada, dado que apanhámos muito tráfego em pista e não consegui realizar uma volta limpa. Por outro lado, experimentámos uma afinação que acabou por não surtir os efeitos desejados. Sabíamos que estaríamos numa situação difícil aqui, dado que tudo seria novo para nós, mas vamos trabalhar para realizar amanhã uma boa corrida.”

Miguel Cristóvão (7º Pro-Am – Qualificação 2): ”Estamos a aprender o circuito, tanto nós como a equipa. Amanhã vamos treinar as paragens nas boxes, o que será muito importante para o desfecho final da prova. São muito carros em pista e o nosso objectivo será terminar bem classificados para conseguirmos somar bons pontos.”