Max Verstappen vence GP da Arábia Saudita

A Fórmula 1 está mais emocionante que nunca, com lutas intensas pelo primeiro lugar e grandes duelos nos lugares a meio do pelotão.


O Grande Prémio na Arábia Saudita esteve para não se realizar, pois sexta-feira um ataque com foguetes e drones atingiu uma refinaria de combustível num atentado reivindicado pelo pelos rebeldes houthis do Iémen. Depois de uma reunião demorada entre equipas, pilotos e organização decidiu-se pela realização da prova. Em boa hora, pois foi uma prova empolgante até á bandeira de xadrez.

O piloto da Red Bull Sérgio Perez partiu da pole-position (a primeira da sua carreira) e manteve o 1º lugar na primeira curva do circuito após a partida. Charles Leclerc manteve o 2º lugar e Carlos Sainz perdeu o 3º lugar que tinha na grelha para Max Verstappen. Lewis Hamilton partiu apenas do 15º lugar depois de um treino de qualificação absolutamente desastroso.

Até ás primeiras paragens nas boxes os lugares permaneceram inalteráveis, com Perez a dominar a corrida. Os companheiros de equipa, Fernando Alonso e Ocon deram um show entre eles, com múltiplas ultrapassagens no limite que deixaram os responsáveis da Alpine com muitos cabelos brancos. Correu tudo bem, mas as hostilidades estão abertas dentro da equipa.

Na altura de paragem nas boxes, a Ferrari deu a entender que ia entrar primeiro. A Red Bull fez entrar de imediato Perez, Leclerc continuou em pista e com a confusão instalada por bandeiras amarelas devido a um acidente as posições alteraram-se. Leclerc passou para a frente da prova, e Perez caiu para 4º lugar atrás de Carlos Sainz.

Até ao fim da prova foi uma corrida eletrizante entre Leclerc e Verstappen. Os dois pilotos destacaram-se do resto do pelotão e trocaram várias vezes de posição. A quatro voltas do fim Verstappen ultrapassa definitivamente Leclerc que tudo tentou para voltar ao 1º lugar. Bandeiras amarelas no 1º sector do circuito facilitaram a vida a Max, que assim ganhou a sua primeira prova da época. Lewis Hamilton terminou em 10º lugar.

A próxima prova realiza-se na Austrália a 10/4

Classificação final:
Max Verstappen (Red Bull)
Charles Leclerc (Ferrari)
Carlos Sainz (Ferrari)