MotoGP: Bagnaia vence o GP San Marino com Miguel Oliveira num modesto 20º lugar

Miguel Oliveira Oficial

Peco Bagnaia tinha ganho o seu primeiro GP em MotoGP há uma semana atrás. Tomou o gosto e voltou a vencer, desta vez em casa.

Por Mário Monteiro

Bagnaia partiu da pole-position e liderou a corrida da primeira á última volta. Mas como há uma semana atrás a vitória de Bagnaia foi difícil e decidida apenas quando viu a bandeira de xadrez. Quartararo, líder do campeonato do mundo partiu com uma mistura de pneus mais dura que Bagnaia e Miller, pilotos da Ducati. Chegou a estar a cerca de 3s de Bagnaia, passou Miller e perseguiu Bagnaia até ao fim, entrando na última volta colado á traseira da Ducati. Bagnaia defendeu-se e Quartararo nunca esteve em posição de poder atacar a primeira posição.

Enea Bastianini numa Ducati não oficial de 3ª linha fez uma prova soberba. Partindo do 12º lugar foi passando todos os adversários á sua frente, fazendo por diversas vezes a volta mais rápida, tendo terminado num fantástico 3º lugar. Mais um excelente resultado deste piloto, que numa moto teoricamente das piores do pelotão, tem feito milagres.

Miguel Oliveira depois de terminar em 14º lugar na semana passada, lutou apenas pelos lugares traseiros terminando em penúltimo lugar. Acabou a prova 37s de Bagnaia e a 20 do seu companheiro de equipa Brad Binder, que mais uma vez ficou á sua frente. Preocupante.

CLASSIFICAÇÃO

Pos. Pts Piloto Moto
1 25 Francesco BAGNAIA Ducati
2 20 Fabio QUARTARARO Yamaha
3 16 Enea BASTIANINI Ducati
4 13 Marc MARQUEZ Honda
5 11 Jack MILLER Ducati
6 10 Joan MIR Suzuki
7 9 Pol ESPARGARO Honda
8 8 Aleix ESPARGARO Aprilia
9 7 Brad BINDER KTM
10 6 Takaaki NAKAGAMI Honda
11 5 Michele PIRRO Ducati
12 4 Johann ZARCO Ducati
13 3 Maverick VIÑALES Aprilia
14 2 Stefan BRADL Honda
15 1 Alex MARQUEZ Honda
16 Danilo PETRUCCI KTM
17 Valentino ROSSI Yamaha
18 Franco MORBIDELLI Yamaha
19 Luca MARINI Ducati
20 Miguel OLIVEIRA KTM
21 Andrea DOVIZIOSO Yamaha

O próximo GP realiza-se nos Estados Unidos, o GP das Américas a 3 de outubro