Paulo Sousa é o novo treinador do Bordéus até junho de 2022

O técnico português, tinha deixado o comando técnico do Tianjin Quanjian da China em outubro do ano passado

«A minha visão sobre o meu papel no Bordéus, como em todos os clubes que treinei, é a de criar e desenvolver uma filosofia própria e uma identidade que reflita bem a história deste clube e que possa ser sustentável no futuro» afirmou Paulo Sousa ao website oficial do clube da Ligue 1