Viñales imperial e Miguel Oliveira melhor KTM, na primeira prova de MotoGP 2021

Começou finalmente o mundial de MotoGP na pista de Quatar. O fim de semana não foi dos melhores para Oliveira.

Partindo do 15º lugar da grelha, Oliveira ganhou alguns lugares na fase inicial, tendo chegado a rodar no 10º lugar. A KTM teve muitas dificuldades nesta pista, que infelizmente vai ser a mesma no próximo fim-de-semana. Foi, no entanto, a melhor das quatro KTM, tanto nos treinos como na corrida. Fraca consolação.

Quanto á corrida em si, quem viu apenas o início pensaria que iria ser um passeio das Ducati. Chegaram ao fim da 1ª volta nos quatro primeiros lugares com P. Bagnaia na frente.

Mais para trás Maverick Viñales estava diabólico, e fez uma corrida impressionante. Foi ultrapassando todos os adversários: Marini, Rossi, Espargaró, Quartararo, Miller, Zarco até chegar á traseira de Bagnaia. Não demorou muito a passar para o primeiro lugar, distanciando-se de seguida.

Joan Mir que partiu do 9º lugar puxou os galões de campeão do mundo e numa corrida de trás para a frente foi também ultrapassando os seus adversários até ao 2º lugar. Na última curva cometeu um pequeno erro e deixou-se ultrapassar pela potência das Ducati de Zarco e Bagnaia. Johann Zarco bateu o record de velocidade este fim de semana ao atingir 362,4km/hora.

O próximo Grande Prémio é de hoje a uma semana no mesmo circuito.

Classificação final:
Maverick Viñales (Yamaha)
Johann Zarco (Ducati)
Paco Bagnaia (Ducati)