SPORTONSTAGE2016-10-05 12-58-26049

Rampa de Boticas: Rui Ramalho bate Salvador na 1ª Subida

Está ao rubro a decisão pelo titulo do Campeonato Nacional de Montanha Valvoline, com Rui Ramalho a superiorizar-se a Pedro Salvador na 1ª Subida na Rampa de Boticas

Por Ivo Carvalho

Mais emocionante seria impossível. A última jornada do campeonato Nacional de Montanha Valvoline – a Rampa de Boticas – está a cumprir com as elevadas expectativas criadas.

Na classe rainha, a CATEGORIA 1, depois das duas primeiras subidas de treinos, Rui Ramalho e o Osella PA21S EVO  cumpriram 1ª Subida Oficial de prego a fundo, batendo Pedro Salvador e o Norma M20-FC por escassas 4 décimas de segundo. A encerrar o pódio (Absoluto e da Categoria 1) está Paulo Ramalho, em  Juno CN 09.

Amanhã, domingo, será o dia de todas as decisões, antevendo-se uma luta sem tréguas entre os dois primeiros classificados pelo titulo de Campeão Nacional Absoluto de Montanha.

Na CATEGORIA 2 José Correia impôs o seu Nissan GT-R GT3, concluindo a 1ª Subida oficial com um registo de 2:15,548,  mais de um segundo de vantagem sobre o segundo classificado na categoria, o piloto do Porsche 997 GT3 Cup,  Edgar ReisGonçalo Manahu, que chegou à rampa de Boticas em primeiro lugar nesta categoria 22, teve que se contentar com o terceiro tempo na subida, com a marca de 2:17,294.

Cla Piloto Carro Subida 1 Subida 2 Subida 3 Tempo
210 José Correia Nissan GT-R GT3 2:15,548 2:01,562
201 Edgar Reis Porsche 997 GT3 CUP 2:16,828 2:01,961
207 Gonçalo Manahu Porsche 997 GT3 CUP 2:17,294 2:12,921
263 Pedro Saraiva Mitsubishi Lancer EVO IX 2:30,247 2:13,404
160 João Guimarães Peugeot 206 RC 2:37,845 2:15,139
265 Pedro Marques Fiat Punto 2:57,348 2:20,045

 

Na CATEGORIA 3 Manuel Correia partiu ao ataque triunfando na primeira subida, com o registo de 2:18s219. O piloto do Ford Fiesta R5 não teve adversários à altura, conseguindo uma vantagem de quase 20 segundos sobre Tiago Silva, em BMW E30, o segundo mais rápido. Na terceira posição qualificou-se Jorge Meira aos comandos do Citroen Saxo Cup.

Luís Nunes, já  Campeão antecipado na CATEGORIA 4, não deixou os seus créditos por mãos alheias e levou o seu Seat Leon Cup Racer a concluir o percurso no tempo de 2:17,157. A uma distância de mais de 22 segundos classificou-se José Cerqueira, ao volante do Seat Leon 1.8.

Na concorrida CATEGORIA 5José Silvino Pires, piloto do Ford Escort MKI, impôs a sua supremacia, acabando a subida oficial da tarde com a marca de 2:26s018. O Porsche 911 RS de Carlos Oliveira foi a segunda máquina mais rápida da categoria, completando a rampa com o tempo de 2:34,156. A poco mais de 4 segundos terminou Pedro Couceiro aos comandos do Opel 1904 SR.

 

Últimas Reportagens.

P